ENADE NO CONTEXTO DE CONTRARREFORMA DO ENSINO SUPERIOR: REFLEXÕES PARA O SERVIÇO SOCIAL

Larissa Dahmer Pereira

RESUMO: Os estudantes de Serviço Social foram convocados a realizar, em 2007 e 2010, a prova do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (ENADE), que integra o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SINAES). Este artigo objetiva problematizar o ENADE como integrante da contrarreforma do ensino superior brasileiro, que se encontra em curso, e, desta forma, contribuir para as reflexões do Serviço Social neste processo. Utilizou-se como metodologia uma revisão bibliográfica de estudiosos da contrarreforma do ensino superior e da área de Educação, bem como a análise de dados fornecidos pelo INEP/MEC, principalmente aqueles relativos à expansão e ao financiamento da educação superior brasileira. Por fim, busca-se levar à discussão a necessidade de analisar o ENADE e as implicações do boicote à prova, realizado pelos estudantes de Serviço Social, no bojo do processo analisado, assim como intensificar o debate e aprofundar a pesquisa sobre a formação profissional entre a categoria profissional.

PALAVRAS-CHAVE: Política educacional brasileira. Sistemas avaliativos. Contrarreforma do ensino superior. ENADE. Serviço Social.

Disponível para download: http://periodicos.ufes.br/temporalis/article/view/3451/2699